Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Interior’ Category

Inteira…

“Sou uma filha da natureza: quero pegar, sentir, tocar, ser.

E tudo isso já faz parte de um todo, de um mistério.

Sou uma só… Sou um ser. E deixo que você seja. Isso lhe assusta? Creio que sim.

Mas vale a pena. Mesmo que doa.

Dói só no começo.”

(Clarice Lispector)

Read Full Post »

Minhas memórias …

Vivas me vivificam,

transcorrem como um filme,

as vezes tão serenas, me fazem sorrir,

remetem a beleza do existir,

tão puras socorrem meu nada,

Inundam e irrigam minhas veias…

Sinto que em algum momento existi, fui real.

Agora apenas estou, já não sou mais,

Apenas estou…

Read Full Post »

Olho-me…

Sinto a vida passar por mim,

quero viver e já não sei como,

nada faz sentido,

a vida passa sem motivos,

não tenho medo e nem vontades,

não há amores…

Mas sei que estou viva, porque há em mim muita dor!

Ela eu sinto, é potente, forte e voraz, talvez minha única companhia,

talvez minha única certeza que ainda vivo!

Read Full Post »

Um Sol diferente

Sou amante do Sol, há algo nele que me encanta, aprecio igualmente a Lua, ambos me iluminam diariamente onde eu for e como for…

Navegando no meu Facebook nesta noite encontrei este poema e compartilho com você …

 ——–

Neste dia eu lhe desejo um sol diferente.

Que apesar de todas as dificuldades,

apesar de algumas tristezas que insistem,

que mesmo com essa montanha erguida,

o sol possa ser seu presente mais doce.

Desejo ao seu coração o querer que ele quer.

Que nas palavras que ele sussurra dentro do seu peito,

sejam ouvidas aquelas que têm sabor de liberdade.

Que você esteja atendo para o sopro da sua vontade real,

e jamais desista dos seus passos em direção à verdade.

Desejo que sua percepção acorde mais plena no calor de um sol novo e renovador.

Que ele lhe encoraje às atitudes que estão querendo respirar.

Aquelas que sempre são substituídas,

Aquelas que não se arrojam por ter os pesos de conceitos por demais antigos. Desejo que você aceite seu tempo, seja ele qual for.

Que sinta serenidade na espera necessária para que a semente plantada brote no tempo certo.

Desejo então que sua flor seja inteira,

e mesmo que inicialmente pequena e frágil,

ela lhe traga as luzes de uma estrada azul.

Que sua sabedoria esteja desperta aguardando com tranqüilidade o desabrochar da sua flor.

Em paz, em cadência ritmada com o aprendizado que vem chegando.

Em mais suaves permissões a você.

Em muito mais reconhecimento da sua coragem.

Desejo a você um sol diferente.

Espalhando seu sorriso pela densidade das nuvens,

simplificando o aspecto complicado de alguns momentos e mostrando-lhe a fonte essencial para sua sede.

Desejo que a cada instante você desnude mais seu coração e deixe que nele vibre em tom maior: O AMOR .

O amor na sua expressão mais simples.

Que não mede, não faz contas e que tem o poder de lhe erguer acima de todas as montanhas escuras.

(Autor desconhecido)

Read Full Post »

Em obras…

Não passo pela vida simplesmente, me recuso a tal ato frágil, sigo vivendo, não serei apenas uma cicatriz de minha história, serei alguns pontos na alma de concertos, mas serei sempre vida vivida…

Na vida não posso ditar regras, cada dia é um “em branco”, mas posso dizer aonde e como quero ir…

No fim do dia o “em branco” torna-se povoado, escrito e rabiscado… Sorrindo ou chorando não importa, o escrito torna-se parte de minha história…

Finalizo o dia relendo-o, saldos positivos e negativos, como num balancete de uma empresa que esta nos inícios, há erros e rasuras, vez ou outra o caixa fica negativo, o valor não fecha, a empresa resiste e se não quebrar será certamente uma empresa estável, reconhecida…

A vida é exatamente isso, uma grande empresa escrevendo sua história para a humanidade…

Todo ser humano deveria ter afixado na alma, que é um ser em construção, construindo o mundo e sendo construido por ele…

Read Full Post »